Grupo Policom define agenda de certificações DCPRO

20/06/2017 às 18:34

De junho a novembro, o Grupo Policom promoverá cinco cursos de certificação do Datacenter Dynamics, seu parceiro na atividade para as regiões brasileiras Sul e Sudeste.

A agenda compreende quatro certificações na Policom SP e uma na Paris Cabos, como segue:

26 a 28 de junho - Data Center Power Professional - DCPP - local: Policom SP 28 a 31 de agosto - Data Center Design Awareness - DCDA - local: Policom 31 de agosto e 01 de setembro - Energy Efficiency Best Practices - EEBP - local: Paris Cabos 25 a 27 de setembro - Critical Operations Professional - COP - local: Policom SP 27 a 29 de novembro - Energy and Cost Management - CEM - local: Policom SP

Essas certificações se constituem níveis do programa DC PRO Development e tem como diferenciais alinhamento aos padrões internacionais; instrutores especializados com mais de 10 anos de experiência; e aprendizado interativo, online e presencial. Além disso, a metodologia aplicada contribui para a progressão de carreira para especialista, pois a formação profissional oferecida tem como objetivo fornecer certificação, conhecimento e melhores práticas, para os profissionais de data centers que, usualmente, são provenientes de áreas diversas, como Telecom, Mecàânica, Energia ou Sistemas que necessitam convergir as multidisciplinas que circulam no ambiente de um data center.

Em todos os cursos, os participantes são incentivados a debater sobre experiências reais de trabalho e os exercícios oferecem a oportunidade de pôr em prática o que foi aprendido e poder aplicar mais tarde, em seu próprio ambiente de data center.

A Certificação Energy and Cost Management (CEM) explora o uso eficaz da energia por software, sistemas de TIC e infraestrutura de apoio do data center, além de abranger as melhores práticas e estratégias para controlar e gerenciar a eficiência energética, sendo, portanto, direcionado a Qualquer pessoa envolvida na gestão de missão crítica de TI, infraestrutura, telecomunicações, ou consultores de design.

Já a Certificação Data Center Design Awareness (DCDA) é um curso preparatório da Estrutura de Progressão Profissional de DCPro e serve para apresentar aos estudantes as principais disciplinas relacionadas com os data centers.  à‰ especialmente indicado para profissionais envolvidas direta ou indiretamente na gestão e na operação de um data center existente ou com projeto em fase de construção.

O curso Data Center Power Professional - DCPP - busca desenvolver nos participantes a compreensão de como as necessidades de energia impactam o projeto e a operação do data center, a partir dos fundamentos de distribuição crítica dos componentes de energia, segurança e manutenção relacionados a investimentos em infraestrutura, e gerenciamento de suas complexidades e mudanças.

Energy Efficiency Best Practices (EEBP) é uma certificação que explora estratégias para o uso eficaz de energia em data center e, para isso, está alinhado com as normas do Código de Conduta Europeu, ASHRAE, The Green Grid e BCS - The Chartered Institute for IT.

Já o curso Critical Operations Professional é de nível avançado e cobre a operação de data center por facilities, mudanças e alterações de equipes de cabeamento, e avalia a criticidade do negócio e níveis Tier por meio de procedimentos operacionais.

Os interessados devem entrar em contato pelo e-mail mkt@policom.com.br ou buscar a seção Agenda no site www.grupopolicom.com.br. Mais informações sobre as certificações, conteúdos e diferenciais estão em http://mailchi.mp/policom/agenda-de-eventos-e-treinamentos-maio2017-454629.

Detalhamento dos cursos Data Center Power Professional (DCPP)

Como trata da importàância do consumo de corrente elétrica e danecessidades de energia que impactam a forma com que o Data Center é projetado e operado, para atingir as metas de sustentabilidade e baixo consumo de energia, esta certificação é indicada para profissionais envolvidos direta ou indiretamente na gestão e na operação de um data center, existente ou em fase de projeto e de construção.

Discutir a importàância do consumo de energia nos negócios, governo e sociedade em geral, com a finalidade de atingir metas de sustentabilidade com baixo consumo de energia; identificar os princípios de voltagem, corrente de energia e fator de potência num circuito trifásico; identificar os requisitos energéticos das cargas modernas de TIC, especialmente os desenhos de dupla conexão e sua finalidade; e identificar os modelos competitivos de uma arquitetura energética redundante, da manutenção simultàânea e da toleràância à s falhas, são alguns dos benefícios da certificação DCPP.

Além disso, ao concluir a certificação, os alunos serão capazes de falar sobre a tipologia de UPS segundo o IEC e as diferentes formas de UPS estáticos; explicar a geração de emergência de energia, especialmente de combustível diesel, incluindo a entrega, armazenagem e tratamento do combustível; entender os UPS de energia cinética, os DRUPS de vários tipos e os rotativos híbridos; explicar o armazenamento de energia em baterias com ênfase especial nas de chumbo ácido, o desenho de recobrimento, seleção e tamanho das baterias de UPS; e falar do armazenamento energético alternativo para as baterias, incluindo a energia cinética e ar comprimido.

Definir os switches de transferência automática e estática e suas aplicações nos sistemas críticos de distribuição de energia; falar sobre os curtos-circuitos, das fontes de queda de corrente e proporcionar exemplos de fontes de proteção de circuitos em sistemas críticos das TICs; conhecer o diferencial entre a CA e a HVDC em um data center; identificar os conceitos de qualidade energética, especialmente os harmônicos nas cargas eletrônicas; identificar questões específicas de manutenção do data center, tais como influir na disponibilidade do sistema energético; e diferenciar padrões, código e guias da indústria de DC são alguns outros ganhos dos participantes ao final do curso.

Critical Operations Professional (COP)

Cobrindo desde a reavaliação essencial para o negócio aos níveis Tier de procedimentos em operações críticas, incentivando os alunos a discutir experências reais em sala de aula, a certificação COP, em sua conclusão, possibilita aos alunos: avaliar as necessidades do negócio de data center, identificar os requisitos de disponibilidade e classificação Tier e entendimento de algumas técnicas de previsão de demanda. Amplia, ainda, a capacidade de discutir e analisar orçamentos, termos e requisitos financeiros, assim como reconhecer os fatores humanos relacionados ao impacto do tempo de inatividade de seu negócio; gerenciar corretamente os riscos, identificando os benefícios, com metodologias técnicas a nível global; e identificar o impacto das operações críticas elétricas e mecàânicas com práticas seguras para data center.

Ao final do curso, os participantes estão aptos a diferenciar nos sistemas de refrigeração novas métricas de eficiência e seus impactos operacionais, identificar os impactos operacionais de logísticas e apoio nas atividades de mudanças e entender o impacto operacional de grande quantidade de construção e sistemas de relatórios, além dos perigos do processamento incorreto de alarme.

Outros ganhos envolvem a possibilidade de identificar os requisitos mínimos de operações auxiliares, tais como sistemas de incêndio e segurança, limpeza e administração de manutenção predial contratado, ou terceirizados, e reconhecer os registros de manutenção e documentação necessária para inspeções legais no data center, sendo, portanto, especificamente direcionado a qualquer pessoa envolvida na gestão de missão crítica de TI, infraestrutura, telecomunicações, ou consultores de design.

Energy and Cost Management (CEM)

Ao final da certificação, os alunos estarão capacitados a discutir o consumo de eletricidade e a perspectiva de sustentabilidade e de monitoramento das organizações na indústria de data center; discutir códigos de conduta com relação ao clima e à  emissão de carbono, na construção de data center; identificar drivers para a gestão de energia corporativa e de responsabilidade social, gerência de marca etc; definir e explicar as métricas básicas para a eficiência energética do data center, incluindo DCIE e PUE; assim como definir a maturidade do data center e identificar o papel dos responsáveis na iniciativa de eficiência energética no data center; e definir os imperativos de eficiência no projeto e explicar o papel dos equipamentos de data center, discutindo o gerenciamento e os impactos de energia de acordo com as normas da ASHRAE. Permitirá, ainda, aplicar bases técnicas de gestão em eficiência energética para as áreas de TI, refrigeração e sistemas elétricos; analisar as limitações e capacidades de métricas e elaborar relatórios sobre o data center.

Para isso, o curso, ao longo de 21 horas divididas em três dias, enfoca visão geral das macrotendências globais em questões energéticas, como consumo energético, política tarifária de energia elétrica, sustentabilidade, acordos sobre o clima, códigos de edificações; variáveis do negócio com relação à  energia do data center; métricas de instalação, sustentabilidade, TI, entre outras, além de medições e monitoramento; maturidade dos data center; gestão holística e papéis; equipamento de TI (servidores, armazenagem, redes);  gestão de energia e aspectos ambientais, incluindo as atualizações das normas ASHRAE de 2008 e 2011; e eficiência dos sistemas elétricos e de refrigeração e tendências futuras.

Data Center Design Awareness (DCDA)

Desde a escolha do local da infraestrutura à  área de cabeamento, esta certificação tem 21 horas divididas em três dias e é centrada nas competências necessárias para entender os conceitos de design nas interdependências associadas a cada disciplina, levando os participantes a conhecer os avances tecnológicos do data center através da história, os desafios atuais, os organismos regulamentadores e as definições de métricas do setor; assim como a identificar as principais áreas de desenvolvimento de data center as fases do projeto, escopo e documentação de comissionamento, planos de manutenção, códigos e normas legais; e a justificar a seleção do local para o data center, os planos de segurança e vigilàância física/eletrônica, as políticas, procedimentos, e padrões de regulamentação.

A certificação DCDA conduz, ainda, à  aplicação das melhores práticas recomendadas na construção, incluindo níveis de resiliência e necessidades de espaço, sistemas de refrigeração, opções de CA e novo desenvolvimento tecnológico; discorre sobre tipos, tamanhos e disposição dos gabinetes e suas configurações, identificando os principais componentes de sistemas elétricos, Back-Up, geradores e aplicações dos padrões de eficiência; enfoca as opções de configuração, layout e disposição para o data center, com identificação de servidores, armazenamento, equipamentos de comunicação e desenvolvimentos tecnológicos e identificação de elementos essenciais de detecção e supressão de incêndios, além dos protocolos de automação predial, sistemas integrados de medição e monitoramento, relatórios e normas aplicáveis ao setor.

Para atingir essas metas, apresenta como conteúdo programático informações sobre o Data Center, desde seleção do local, até sistemas de telecomunicações, gás e ar, desenho arquitetônico, informática, áreas de suporte e espaço externo, piso elevado, disposições da sala, conectividade nas infraestruturas, arquitetura de TI, sistemas de proteção contra incêndios, entre outros.

Energy Efficiency Best Practices (EEBP)

Ao concluir, os alunos serão capazes de explicar o consumo de energia e as tendências globais de data center; entender os drivers corporativos para a eficiência energética e o papel de responsabilidade de cada envolvido no processo; distinguir vários drivers de eficiência energética para diferentes tipos de data center; e identificar as típicas ”˜”™piores práticas no data center.

Além disso, a certificação capacita os participante a identificarem métricas e regulamentos que se aplicam e impactam a eficiência energética; entenderem como os níveis de Tier e resiliência de infraestrutura podem influenciar a eficiência energética; compreenderem o papel desempenhado no comissionamento para garantir a implementação correta das melhores práticas em eficiência energética; identificarem oportunidade de grande economia em equipamentos de energia e TI relacionados à  eficiência energética; e explicarem o impacto de eficiência energética dos locais selecionados e vice-versa.

Ao longo de três dias são esmiuçados temas tais como panorama global da eficiência energética, principais fatores do aumento de custos energéticos, ciclo de vida da energia no data center, níveis de medição de implementação, medições manuais e automatizadas, hardware de TI e soluções inovadoras para os grandes consumidores de servidores, arquiteturas de refrigeração e de energia, assim como estabelecimento do tamanho adequado e gestão de capacidade do data center, entre outros.

Esse conteúdo torna o curso especialmente indicado para pessoas envolvidas direta ou indiretamente na gestão/ operação de um data center existente ou com projeto em fase de construção.