Notícias

A ver os posts de Outubro, 2015

Trade-in Versiv 2015 Fluke Networks: Grupo Policom oferece benefícios exclusivos

IMG_8727A promoção vai até 15 de dezembro e não será prorrogada

O atual Trade-in da Fluke Networks é focado na família Versiv - certificadores de fibra óptica - e, além dos benefícios usuais, quando realizado no Grupo Policom traz vantagens adicionais para os clientes.

Como explica Anderson Carvalho, gerente de Marketing do Grupo Policom, são três benefícios especiais, que serão mantidos enquanto durar a promoção (15 de dezembro):

20% de desconto por equipamento por instalador inscrito para o treinamento em cabeamento estruturado; Cinco suportes de mão para conectorizar jacks Keystone a cada Versiv adquirido; Acesso exclusivo ao webinar sobre certificação de rede, que será realizado em 17 de dezembro e foi preparado, especialmente para os clientes do Trade-in.

O Trade-in oferece descontos significativos, que variam de R$ 5.000,00 a R$ 10.500,00 de acordo com o modelo desejado, e se adquirir o Suporte Gold, agrega um desconto adicional de R$ 500,00.

O Grupo Policom participa ativamente da campanha, inclusive porque a meta de tanto fabricante e distribuidor em 2015, é “atender o aumento da demanda por certificadores de fibra óptica, segmento que a Fluke Networks também tem forte presença”, informa Carvalho, reforçando que, “quem precisar desses equipamentos, procure o Grupo Policom. Estamos trabalhando forte para contribuir com a evolução técnica de nossos parceiros”.

Mais informações sobre as etapas do Trade-In e as regras da promoção exclusiva do Grupo Policom estão disponíveis no hotsite: www.grupopolicom.com.br/flukenetworks.

 

Em outubro, certificação CCTT Fluke Netoworks no Grupo Policom

Versiv out2015 menorNo período de 19 a 21 de outubro de 2015, o Grupo Policom, a Apogee Consultoria e a Fluke Networks promovem nova edição da  certificação CCTT VERSIV (Certified Cabling Test Technicial).

A certificação para a plataforma Versiv® aborda todo ciclo da certificação e trabalha com cabos de cobre e de fibra óptica, tornando o processo mais rápido, preciso e rentável.

O curso é dividido em duas partes: CCTT Cobre ou CCTT Fibra, ambas de um dia e meio cada. O investimento para os três dias é de R$ 990,00, mas há desconto para mais de um inscrito pela mesma empresa.

Informações e inscrições no site do Grupo Policom, na seção Eventos.

Certificação CCTT Versiv

O curso capacita os participantes à  utilização dos certificadores da Fluke Networks para testar, analisar e atingir alta performance nas instalações de cabeamento, ensinando-lhe como se beneficiar dos diagnósticos e análises feito pelos equipamentos. Além disso, favorece o entendimento pleno das normas e tecnologias que envolvem sistemas de cabeamento de alta performance e a aplicação do conhecimento adquirido em instalações de sistemas de cabos UTP, fibra óticas e cabos coaxiais.

Para isso, o programa engloba normas e tecnologias para sistemas de cabeamento de alta performance; aplicação dos certificadores de cabos num projeto, no mundo real, para testar, certificar e atingir alta performance nas instalações; diagnósticos e capacidade de análise dos certificadores em obras e projetos.

Teórica e prática, a certificação CCTT tem custo total de R$ 1.100,00 por pessoa e inclui todo o material didático necessário.  As empresas que adquirirem qualquer certificador da linha Versiv ganham desconto de 50% em até duas vagas. A empresa que adquirir um certificador DTX ELT ganha o mesmo desconto em uma vaga.

O curso é ministrado por Marcelo Barboza, da Apogee - RCDD/NTS/ATS, especializado em monitoramento de infraestrutura de data centers, conceitos e critérios de avaliação.

Linha Versiv

A linha Versiv® oferece módulos intercambiáveis para cobre, fibra e teste de OTDR, assim como inovações de software que aceleram o tempo do teste e sua precisão, além de simplificar a configuração, o planejamento e a emissão de relatórios de teste. Além disso, o sistema possibilita análise atualizada de projeto, acelerando a emissão de relatórios. Se forem encontrados problemas durante o processo de testes, os técnicos podem gerar uma lista de tarefas de resolução de problemas para “Consertar depois” para uma posterior avaliação por instaladores mais experientes.

Nova norma ABNT NBR 16415:2015 é tema de treinamento na UBIC

A União Brasileira de Instaladores de Cabeamento (UBIC) promove treinamento sobre a norma ABNT NBR 16415:2015 - Caminhos e espaços para cabeamento estruturado, no dia 21 de outubro, das 8h à s 12h30.

Esta Norma especifica a estrutura e os requisitos para os caminhos e espaços, dentro ou entre edifícios, para troca de informações e cabeamento estruturado de acordo com a ABNT NBR 14565.

O investimento no treinamento é de R$ 190,00 para associados UBIC e de R$ 220,00 para os demais. Os participantes receberão certificado de participação e material de apoio apostilado.

Mais informações e inscrições em secretaria@ubic.org.br ou pelo telefone (11) 3675-7409.

Curso Unbic sobre norma para site

Conceitos Básicos de Cabeamento Estruturado: tema de treinamento em outubro

O Grupo Policom e a CommScope realizam treinamento sobre Conceitos Básicos de Cabeamento Estruturado tendo como base as soluções Uniprise. [caption id="attachment_2849" align="aligncenter" width="450"]O treinamento será realizado em 29 de outubro e seguirá a dinàâmica do que aconteceu no início do mês O treinamento de 29 de outubro será como o realizado no início do mês[/caption]

Exclusivamente desenhado para o Grupo Policom e destinado a instaladores de rede voz e dados, o treinamento acontece em 29 de outubro de 2015, das 8h à s 18h, no Policom Solution Center (PSC) em São Paulo, onde o aluno poderá conferir na prática os produtos utilizados no dia a dia do instalador.

O programa contempla o detalhamento de todos os seus subsistemas: cabeamento horizontal ou rede secundária, backbone ou rede primária, área de trabalho, sala de telecomunicações, sala de equipamentos, sala de entrada de serviços de telecom e administração. Além disto, o curso aborda as principais normas técnicas e produtos recomendados para um bom projeto e instalação.

O treinamento será ministrado pelo engenheiro de aplicações do Grupo Policom, Carlos Cruz, e tem o custo de R$ 100,00, que inclui coffee-breaks e material didático. Ao final, os alunos que tiverem bom aproveitamento receberão certificado.

O Policom Solution Center está localizado na Rua Costa Aguiar, 1714, Ipiranga, São Paulo (SP), próximo à  Estação Sacomã do Metrô (Linha Verde).

Mais informações na Seção EVENTOS do site www.grupopolicom.com.br.

Projeto Olho Vivo auxilia no monitoramento das ruas de GoiÃânia

Olho Vivo 4 - baixaCom solução Avigilon fornecida pela Grupo Policom e instalada pela I9 Tecnologia, o programa prevê 500 câmeras até o final do projeto.

Construção de uma nova central de videomonitoramento urbano e substituição do sistema anterior por sistema de alta definição visam a reduzir a criminalidade na capital de Goiás e fazem parte de um projeto da Secretaria de Segurança Pública do Estado goiano para apoio à  atividade policial batizado de Projeto Olho Vivo. A meta é contar com cerca de 500 câmeras em funcionamento até o final do projeto e expandir, em escala menor, o sistema para outras cidades do Estado.

O sistema é ferramenta essencial de auxílio à  Segurança Pública para o combate à  violência e à  criminalidade da cidade de Goiàânia, sendo que a expectativa da SSP é de reduzir cerca de 70% a 80% a criminalidade nas regiões onde o sistema está atuando.

Se depender das ações detectadas pela equipe da Polícia Militar que opera o sistema, o objetivo será atendido. “Diversas situações foram trabalhadas pela equipe, desde usuários de droga, crimes de homicídio, até acompanhamento de abordagem pela Polícia Militar. Todas as imagens são gravadas em prol do policial, que se resguarda e comprova que conduziu a operação de forma padrão”, frisa Cássio Oliveira Camilo - gerente de Infraestrutura da Secretaria de Segurança Pública.

Vídeo elaborado sobre o projeto Olho Vivo está disponível no canal do Grupo Policom, no Youtube, em https://youtu.be/5AjGbmUBDnk.

CFTV IP de alta definição

Olho Vivo 2 - baixaIntegradas através de rede de fibra óptica, as câmeras remetem as imagens à  central de monitoramento, operada por equipe da Polícia Militar, que se integra ao Copom, centro de operações da PM. Os operadores têm acesso aos despachantes e, ao detectarem um evento, acionam, através do coordenador, a equipe da área para se descolocar até o local da ocorrência.

Em operação desde junho de 2014, a primeira fase do projeto compreendeu, além da construção da central de controle com oito posições de monitoramento, a instalação de 70 câmeras de 2 MPx, (modelo Speed Dome com zoom óptico de 20 vezes), em bairros identificados como aqueles de maior incidência criminal. Instalada pela I9 Tecnologia e Serviços, vencedora de licitação, a solução adota a tecnologia da canadense Avigilon, fornecida pelo Grupo Policom. Inova também na forma de transmissão das imagens ao utilizar rede de fibra óptica da própria integradora e na forma de contratação: contrato de locação com reversão ao final com prazo de 48 meses.

Esse sistema de CFTV IP de alta definição substitui uma solução analógica, com transmissão via rádio, que, de acordo com Camilo, “prejudicava, e muito, o processo, devido a diversas interferências, causadas até pelo próprio crescimento da cidade. De repente, por exemplo, surgia uma árvore e o sinal era interrompido, impedindo a chegada das imagens. Hoje, com as imagens em alta definição circulando em rede de fibra óptica de grande velocidade, o problema foi equacionado”.

Diferenciais

O porte do sistema e a facilidade de operação são outros diferenciais apontados pelo gerente de Infraestrutura da SSP-GO. “Como o sistema anterior correspondia a metade do instalado na primeira fase, necessitamos de mais recursos humanos. Treinamos toda a equipe sem dificuldade, pois a curva de aprendizado do novo software é muito pequena. Rapidamente os policiais conseguem interagir com o sistema e em questão de horas manipulam todas as funcionalidades que a câmera oferece”.

A entrada em operação da nova solução também é destacada por Camilo. O projeto, quando idealizado, previu a não interrupção na migração de um sistema para outro, uma vez que é uma ferramenta utilizada pela Polícia Militar no auxílio ao combate à  violência.

A preocupação com a qualidade das imagens e da transmissão, assim como o desempenho noturno, vivacidade das cores e a operacionalidade do sistema, foi o que motivou a I9 Tecnologia a optar pela solução da Avigilon, fornecida pelo Grupo Policom, ressalta Eduardo Mendanha, diretor Comercial da I9, definindo a parceria como “soma de esforços de duas empresas com pessoal técnico altamente capacitado que traz resultados e sucesso conjunto”.

Olho Vivo 1 - baixaRealizado em regime turnkey, o projeto foi desenvolvido e implementado, como definido na licitação, no prazo de 120 dias a partir da assinatura do contrato e da aprovação do projeto executivo pela SSP-GO e outros órgãos envolvidos.

Além do fornecimento das câmeras Avigilon, a primeira fase do Projeto Olho Vivo da cidade de Goiàânia compreendeu “disponibilização da infraestrutura em campo para as câmeras, roteamento, rede de alimentação, infraestrutura e construção física do Centro de Controle e Operações, manutenção por 48 meses, transmissão dos dados, servidores Dell, estações de trabalho, sistema de monitoramento Avigilon Control Center e o que mais fosse necessário para manter o sistema rodando 24 horas x 7 dias x 48 meses”, informa o engenheiro Henrique Louzada, da I9 Tecnologia, responsável técnico pelo projeto.

A isso tudo, Louzada soma SLA (sigla em inglês para Acordo de Nível de Serviço) com tempo de atendimento de chamada de no máximo duas horas. Ressalta, ainda, a previsão de crescimento futuro incorporada já no início do desenvolvimento do projeto, pois, “tínhamos confiança de que o cliente iria gostar da qualidade. Por isso, pensamos a solução e toda a infraestrutura de telecomunicações 100% em fibra óptica, ativos de rede e servidores, com a certeza da expansão”.

Rede de fibra óptica homologada

Direcionado a monitoramento urbano, CFTV e outros sistemas, sempre com projetos direcionado à s áreas de segurança eletrônica, a I9 Tecnologia construiu em Goiàânia (GO) uma rede de fibra óptica homologada pela Anatel, com licença para Serviço de Comunicação Multimídia (SCM), e com compartilhamento da rede de postes aprovada pela Companhia de Energia de Goiás.

“São cerca de 70 km de fibra óptica que funciona como infraestrutura para o videomonitoramento urbano da capital de Goiás e tem capacidade de receber, com facilidade, 10 mil câmeras, além de permitir o tráfego de outros dados, sem prejuízo para a qualidade do sistema utilizado pela Secretaria de Segurança Pública em conjunto com a Polícia Militar”, comemora Mendanha.

Olho Vivo 3 - baixaCâmeras speed dome Avigilon

A câmera speed dome HD PTZ Avigilon oferece qualidade de imagem insuperável com posicionamento preciso e rastreamento previsível de alta velocidade. Com o apoio da plataforma H3, as câmeras HD PTZ aproveitam a tecnologia aprimorada do Gerenciamento de Fluxo de Alta Definição® (HDSM), que reduz os requisitos de largura de banda e armazenamento, além de oferecer excelente desempenho com pouca luz. A câmera possui zoom óptico de 20x com zoom digital de até 12x e oferece rotação contínua de 360 graus a 450 graus por segundo.

Podendo ser instalada em ambientes internos e externos, inclusive em condições agressivas, essa câmera destina-se a aplicações em áreas amplas com operações supervisionadas, como em monitoramento de cidades, grandes redes comerciais, aeroportos, indústrias petroquímicas, etc.

A Speed dome HD PTZ Avigilon possui sensor de escaneamento progressivo CMOS de 2,0 megapixel, é capaz de identificar alvos com facilidade graças à  sua elevada capacidade de rotação, oferece operação estável e captura movimento constante a 30 quadros por segundo, trabalha com iluminação mínima de 0,4 lux (F1.6) no modo colorido e iluminação mínima de 0,04 lux (F1.6) no modo monocromático. A câmera é compatível com ONVIF, H.264 e compressão JPEG Motion; possui controle automático de exposição e de íris, filtro de corte automático de IV para sensibilidade de IV à  noite, entrada de energia Power over Ethernet (PoE), conta com suporte a microfone e alto-falante externo para áudio bidirecional e interface de E/S externa para conectar alarmes e relês.

ACC 5.0 - O software de monitoramento Avigilon Control Center 5.0 permite a gravação de toda a área de abrangência da câmera fixa. Desse modo, quando o operador aplica zoom digital, seja no vídeo ao vivo ou gravado, o restante da cena permanece sendo captado pela câmera, resultando em imagens sem perdas.

Além disso, esse gravador digital é fácil de operar e permite visualizar até 36 cenas por monitor, é totalmente em português e conta com gerenciamento de stream de alta definição (HDSM), que comprime e preserva a qualidade da imagem com eficiência, enquanto gerencia a transmissão de imagens HD através do sistema Avigilon - enviando somente os trechos solicitados de imagens à s workstations do operador. Vale ressaltar que essa tecnologia entrega qualidade de imagem excepcional enquanto oferece economia substancial de largura de banda, permitindo aos operadores a utilização de workstations de configuração acessível, com consequente redução de custos.

Esse aplicativo permite aos profissionais de segurança se conectarem ao software de gerenciamento de vídeo em rede Avigilon Control Center (NVMS), inclusive sobre qualquer rede IP wireless com equipamentos Apple - incluindo iPad, iPhone e iPod Touch - e soluções com sistema Android. Desse modo, de qualquer local é possível visualização remota de vídeo ao vivo e gravado, encurtando o tempo de resposta a incidentes.

Sobre a I9 Tecnologia e Serviços A I9 Tecnologia e Serviços (www.i9tecno.com.br) iniciou suas atividades em abril de 2011 voltada para atuação no mercado de licitações para órgãos públicos, nas áreas de informática, eletroeletrônicos, sistema de transmissão via internet, serviço de OCR, monitoramento urbano, CFTV e outros, sempre com projetos direcionado à s áreas de segurança eletrônica. Focada em inovações, qualificações e certificações visando ao aprimoramento dos serviços prestados a fim de obter êxito neste segmento, a empresa atua com transparência, ética, profissionalismo, respeito e eficiência na busca pela excelência no atendimento e comprometida com os resultados de seus clientes.