Notícias

A ver os posts de Novembro, 2013

Transpoquip 2013: Grupo Policom mostra soluções para infraestrutura de redes e CFTV

O Grupo Policom participa do evento mostrando sua linha de soluções infraestrutura de redes e CFTV, capazes de atender aplicações nas áreas de níveis críticos e mais severos, exatamente por terem grau de proteção adequado a ambientes agressivos.

Entre as linhas de produtos expostos, destacam-se cabeamento óptico da Dà¤twyler - representada no Brasil com exclusividade pelas empresas do Grupo Policom - instalado por método de sopramento e direcionado a rodovias.

Equipamentos de certificação de rede metálica e óptica da Fluke Networks e as soluções Pelco para CFTV, envolvendo câmeras Sarix TI e Esprit IP e o gravador Digital Sentry, também estarão em demonstração, assim como a linha da Avigilon, com ênfase à  solução de câmeras lightcatcher e a linha de câmeras Bullet e o software Avigilon Control Center 5.0.

A esses produtos somam-se a caixa hermética da GP Racks, equipamentos de testes de redes da Fluke Networks, soluções de rádios Ethernet IP sem fio da Fluidmesh, e a família de switches industriais da Transition Networks. Robustos, esses dispositivos são projetados para operar de forma confiável em ambientes adversos, como os encontrados nos chãos de fábrica, compartimentos externos ou outros ambientes perigosos.

Soluções do Grupo Policom em destaque na Transpoquip 2013 Dà¤twyler

Fabricante franco-suíça especializada em conectividade em cobre e óptica para ambientes agressivos, a linha de produtos compreende cabeamento blindado e cabos ópticos especiais. As fibras ópticas, por exemplo, são compatíveis com instalação por sopramento para distàâncias de até 3.000 metros,

Além de cabeamento blindado Cat.7 e Cat.7a, há opções para aplicações indoor e outdoor, com tratamento antirroedor, antichama, entre outros.

O cabeamento metálico, por sua vez, é disponível com dois tipos de blindagem eletromagnética - F/UTP, com blindagem geral em làâmina de polietileno aluminizada, e S/FTP, com dupla blindagem em envelope de alumínio individual e malha trançada geral. Por suas características, esses cabos metálicos reduzem a interferência tanto em altas quanto em baixas frequências; obedecendo tanto normas nacionais - como ABNT/NBR - quando internacionais, como TIA e ISO.

Da Dà¤twyler, o Grupo Policom também mostra o bastidor óptico de 19”, direcionado a cabos de fibra óptica pré-montados, com capacidade para até 48 fibras. Carregado com um máximo de 12/24 adaptadores de fibra óptica, tem carenagem metálica, gaveta extraível com mecanismo de bloqueio, pode ser atualizado para versão extraível usando trilhos telescópicos, permite a montagem com profundidade ajustável da caixa (5 passos, no máximo 50 mm), é disponível em 3 opções de acabamento, incluindo aço inoxidável. Possui abraçadeiras e parafusos prensa-cabo para alívio de tensão e a entrada do cabo pode ser feita pela parte traseira esquerda e direita. à‰ fornecido com adaptadores FO presos por parafusos e conjunto de fixação.

Método Dà¤twyler de sopramento

Os cabos ópticos OptofilHighp, da Datwyler, instalados por método de sopramento são direcionados a rodovias inteligentes.

Essa metodologia, entre os benefícios, apresenta velocidade de lançamento e distàância de lançamento superior a 2.500 metros, o que é entre 2,5 a 4 vezes superior à  performance de lançamento de cabos convencionais (em temperatura ambiente elevada, a distàância é de 600 metros e, em condições ideais, de 1.000 metros)

Além disso, o método de sopramento confere confiabilidade mecàânica e performance em curvas e sinuosidades, pois o cabo permanece linear durante o lançamento, reduzindo o coeficiente de atrito.

Os ganhos proporcionados por esses cabos ópticos de alta performance refletem-se no custo total da obra e têm relação com a menor movimentação das máquinas na obra e a redução do tempo de bloqueio da pista, da mão de obra e do tempo de instalação. Também utiliza menos caixas de emenda devido os lances longos e exige menos fusões e testes.

Pelco

As câmeras Sarix TI e Esprit IP serão os destaques da Pelco no estande do Grupo Policom ao lado do gravador Digital Sentry.Sarix TI é a primeira câmera térmica especificamente desenhado para ser parte integrante de qualquer solução de segurança de vídeo end-to-end. Totalmente operável com ambos Pelco by Schneider Electric e de gestão de vídeo de terceiros e sistemas de gravação, Sarix TI é pura e simplesmente, a evolução da imagem térmica. Disponível em IP, os modelos analógicos, fixos e pan / tilt, Sarix TI é tão fácil de instalar e usar como qualquer câmera dome tradicional. Trazendo um design totalmente digital com recursos de imagens térmicas avançadas para aplicações de segurança de vídeo tradicionais, o resultado é um sistema de câmera acessível que oferece vídeo de alta qualidade, bem como o poder ea flexibilidade que só vem com a tecnologia de imagem térmica.

O novo Esprit com PTZ IP integrado e sistema de câmera pressurizada fornece recursos anteriormente reservados para cúpulas de alta velocidade, incluindo a janela dinàâmica cega, autotracking, Relógio de programação interna, estabilização eletrônica de imagem, menus multi-linguagem e muito mais. Possuindo uma câmera de zoom óptico de 36x, Esprit e Esprit SE SE IP são sistemas de posicionamento remoto de alto desempenho que caracterizam uma câmera integrada e lente, a unidade pan-and-tilt, e um receptor multi-protocolo.

Já o Digital Sentry consiste em um software de segurança que fornece soluções escalonáveis e focadas em TI, permitindo ao usuário o gerenciamento de todos os dados e dispositivos de equipamentos a partir de uma única interface de usuário do cliente.

A arquitetura aberta é a base do projeto do Digital Sentry. Os usuários podem especificar as câmeras de IP ou codificadores que se adequam as suas aplicações. O DS NVR suporta a maioria das câmeras IP de terceiros disponíveis no mercado e irá continuar a adicionar suporte para as novas câmeras que forem lançadas.

A solução se completa com o gravador de vídeo em rede Digital Sentry (DS NVR), uma solução de software e hardware embutida que gerencia vídeos a partir de câmeras de IP e codificadores exclusivamente por meio da conexão de Ethernet. Disponível nas configurações de 4, 16, e 32 canais com opções de armazenamento interno e externo RAID e não-RAID, o DS NVR é uma solução completamente expansível.

O DS NVR sustenta o aplicativo baseado em TI Digital Sentry, pacote de software que inclui segurança de rede e monitoramento de evento, vídeo analítico e Archive Utility. Ele integra perfeitamente todos os outros sistemas de gerenciamento de vídeo Digital Sentry e pode ser monitorado pela mesma aplicação do cliente DS ControlPoint.

O DS NVR oferece até 1,5 TB de armazenamento interno, o que fornece armazenamento suficiente para os requisitos da maioria das aplicações. Opções de armazenamento massivo também estão disponíveis para requisitos adicionais de armazenamento, fornecendo flexibilidade e escalabilidade para soluções gerais. Cada DS NVR contém uma placa SCSI como equipamento padrão, fornecendo instalação simples de unidades de armazenamento massivo adicional.

O DS NVR contém placas duplas da interface de rede de Gigabit (NIC)de forma que os usuários podem segmentar o tráfego da rede: Um NICsuporta o tráfego pesado da câmera de IP, enquanto o outro NIC seconecta à  estação de trabalho do cliente para o monitoramento aovivo e de gravação de vídeo. O DS NVR foi desenvolvido para acomodar a maioria das exigências de segurança e de TI.

Avigilon

Da Avigilon, o Grupo Policom enfatiza a linha de câmeras Bullet, a solução de câmeras lightcatcher e o software Avigilon Control Center 5.0. Todos esses produtos, o Grupo Policom mantém em seu estoque para pronta entrega.

A nova linha de câmeras HD Bullet com infravermelho (IR) adaptativo, da canadense Avigilon, possue inúmeras vantagens, como o iluminador infravermelho adaptativo que se autoconfigura conforme o ambiente. Desta forma, como explica o engenheiro Marcos Paulo Martins Barros, gerente técnico do Grupo Policom, “de acordo com a iluminação e com o zoom óptico aplicado, o iluminador ajusta a potência dos seus leds, permitindo ótima visualização e evitando tanto escuros na imagem, quanto clarões excessivos”.

A essas características, Martins soma o fato de todos os modelos da linha bullet da Avigilon serem “megapixel, contarem com lente motorizada de foco automático e totalmente preparadas para ambiente externo por possuir proteção IP66”.

As câmeras HD Bullet atendem à  tendência de equipamentos com suporte integrado, proteção para instalação em ambiente externo e iluminador infravermelho (IR) embutido. Disponíveis com 1 MP, 2 MP, 3 e 5 MP (megapixel) apresentam desempenho acima da média em ambientes externos e escuros, dispensando fonte visível de luz, e são disponíveis com duas opções de lente: de 3 mm a 9 mm e de 9 mm a 22 mm.

Essa família de câmeras Bullet transmitem as imagens no protocolo H.264, o que resulta no consumo de menor largura de banda e em menor espaço possível para armazenamento com vídeos em alta taxa de quadros, enquanto entrega qualidade de imagem superior. Essa característica também torna as câmeras compatíveis com qualquer hardware ONVIF do mercado.

Outro destaque das câmeras HD Bullet da Avigilon é a largura de cena, que, com 160 MP por metro, varia entre 9 m a 12 m para as câmeras de 1 MP e de 18 m a 22 m no caso das câmeras de 5 MP. Além disso, nas versões 1 MP e 2 MP, as câmeras trabalham, com 30 frames por segundo (fps) e, nas de 3 MP e 5 MP, 20 fps e 13 fps, respectivamente.

Todas as câmeras dessa linha possuem zoom e foco remoto. Nelas, o ajuste de intensidade do IR é automático, assim como os níveis de iluminação, assegurando iluminação constante independentemente das condições de cena, permitindo visualização de detalhes da imagem.

Como são ONVIF, utilizam a plataforma H3 da Avigilon, que é vista como a próxima geração de H.264 por oferece recursos melhorados de gerenciamento de Stream de Alta Definição (HDSM), que suporte maiores resoluções e melhora o desempenho em low-light.

Vídeos de demonstração das câmeras HD Bullet Avigilon estão disponíveis no canal do Grupo Policom no YouTube: www.youtube.com/grupopolicom.

Avigilon Control Center 5.0

O Avigilon Control Center 5.0 permite a gravação de toda a área de abrangência da câmera fixa. Desse modo, quando o operador aplica zoom digital, seja no vídeo ao vivo ou gravado, o restante da cena permanece sendo captado pela câmera, resultando em imagens sem perdas.

Além disso, esse gravador digital é fácil de operar e permite visualizar até 36 cenas por monitor, é totalmente em português e conta com gerenciamento de stream de alta definição (HDSM), que comprime e preserva a qualidade da imagem com eficiência, enquanto gerencia a transmissão de imagens HD através do sistema Avigilon - enviando somente os trechos solicitados de imagens à s workstations do operador. Vale ressaltar que essa tecnologia entrega qualidade de imagem excepcional enquanto oferece economia substancial de largura de banda, permitindo aos operadores a utilização de workstations de configuração acessível, com consequente redução de custos.

Esse aplicativo permite aos profissionais de segurança se conectarem ao software de gerenciamento de vídeo em rede Avigilon Control Center (NVMS), inclusive sobre qualquer rede IP wireless com equipamentos Apple - incluindo iPad, iPhone e iPod Touch - e soluções com sistema Android. Desse modo, de qualquer local é possível visualização remota de vídeo ao vivo e gravado, encurtando o tempo de resposta a incidentes.

Fluidmesh

O Grupo Policom distribui as soluções da Fluidmesh Networks, líder mundial em sistemas de Ethernet IP sem fio.

Entre as soluções ofertadas, destaca-se a Série Fluidmesh® MITO, uma linha de rádios Ethernet sem fio com três bandas, com base em MIMO, projetada e fabricada especificamente para aplicações multisserviços de tráfego de transportes.

Com a linha de produtos MITO, a Fluidmesh desenvolveu uma revolucionária solução de tráfego de transporte sem fio que é capaz de oferecer desempenhos extremos com um pequeno fator de formas. MITO é uma solução única 2X2 MIMO com antenas de direção integradas que permitem o bloqueio do molde e a criação d uma linha de produtos que é um comutador de jogos na arena de tráfego de transporte sem fio. Dispensa a instalação de antenas externas, cabos axiais, supressor de iluminação e ligação terra.

A família de produtos MITO é composta por Fluidmesh 1100 e Fluidmesh 3100, indicados para ambientes externos e compactos, com tamanho levemente maiores que dois suportes de cartão.

O Fluidmesh 1100 MITO suporta uma antena compacta 2X2 MIMO e pode ser usada para criar redes ponto a ponto, ponto a multiponto e de malha fornecendo grandes desempenhos sem igual e um fator de forma compacto. O Fluidmesh 3100 MITO suporta uma antena de setor 2X2 MIMO e é destinada a aberturas de pontos médios e grandes a multipontos com até 150 clientes.

Operação do rádio Tri-banda a 4.9 GHz e 5.1-5.8 GHz

A Série Fluidmesh MITO apresenta uma rádio com três bandas e pode operar a 4.9 GHz e 5.1-5.8 GHz e modular até 300 Mbps. A frequência preferida pode ser facilmente selecionada através de uma interface baseada na rede.

A Série Fluidmesh MITO emprega protocolos de transmissão inteligente de alto desempenho da Prodigy, que foi desenvolvida para transmitir qualquer tráfego compatível com IP, que inclui dados, vídeo e voz. Com base nesse protocolo de transmissão, há um algoritmo de optimização de tráfego que permite a cada dispositivo Fluidmesh atribuir um nível especifico de prioridade e confiabilidade para cada pacote transmitido. Este processo permite que a rede sem fio ajuste automaticamente seus paràâmetros de transmissão com base no tipo de trafego transmitido. O resultado global é uma infraestrutura sem fio confiável e multisserviços.

Além disso, a série Fluidmesh MITO é fornecida com injetor PoE, constitui-se unidade compacta destinada a implantações de baixo impacto visual e conta com antena de painel integrada, que facilita a instalação e suporta variação de até 30 milhas da linha de visão.

Baseada na tecnologia FluidThrottle®, que permite limitar o custo total de propriedade de rede sem fio pagando apenas a quantidade de largura de banda requerida, a Série Fluidmesh MITO suporta a tecnologia FluiMax®, podendo ser usada na criação de arquiteturas Ponto a Ponto, Ponto a Multiponto e Mesh. Graças à  FluiMax®, e que permite a operação tanto com um protocolo de controlo de acesso médio centralizado quanto com um protocolo de controlo de acesso de acesso médio distribuído, dependendo da disposição de rede. Em termos práticos, isso significa que as unidades podem operar com CSMA ou TDMA, sendo que a decisão é tomada automaticamente pela rede baseada na sua disposição e não exige intervenção do utilizador.

A Série Fluidmesh MITO inclui a plataforma EasyMesh® - que permite ao operador definir a mesma área do endereço de IP privado por meio de toda a rede - e também inclui a interface da web FM Quadro®, que torna possível configurar, monitorar, e resolver problemas da rede sem fio em tempo real sem precisar de software adicional ou um servidor. A unidade vem com um analisador de espectro embutido, uma ferramenta de monitoramento da largura de banda em tempo real e um ajudante para facilitar a configuração do sistema.

A isso se somam suporte de Criptografia AES-128 (FIPS -197 Complacente) e suporte de Protocolo de Gerenciamento de Rede Simples (SNMP).

Um vídeo de demonstração da solução MITO está disponível no canal do Grupo Policom no YouTube®. www.youtube.com/grupopolicom.

Fluke Networks

Família Versiv, Fiber OneShot PRO, OptiFiber, VisiFault, AirCheck e Fiber Inspector Mini são os testadores de rede metálica e óptica fabricados pela Fluke Networks e que serão destacados na ISA Campinas 2013.

Lançada mundialmente pela Fluke Networks em junho, a família de Testadores para Certificação de Cabos Versiv® foi desenvolvida para ajudar os instaladores de comunicação de dados a atingir a aceitação do sistema para trabalhos com cobre e fibra de maneira mais rápida, precisa e rentável. Versiv é uma plataforma com módulos intercambiáveis para cobre, fibra e teste de OTDR (Reflectômetro à“ptico no Domínio do Tempo), assim como inovações de software que aceleram o tempo do teste e sua precisão, além de simplificar a configuração, o planejamento e a emissão de relatórios de teste.

Em um estudo global realizado com profissionais de cabeamento, os erros, a complexidade e o retrabalho estão acrescentando mais de uma semana de trabalho para uma instalação comum de organizadores de cabos de 1.000 fibras ópticas. Para enfrentar estes desafios crescentes, o Versiv foi desenvolvido do zero para ir além dos testes e da resolução de problemas e abordar todo ciclo da certificação. Suas novas capacidades ajudam os prestadores de serviços a gerenciarem as complexidades do cenário de certificação atual e a reduzirem erros que podem ameaçar a rentabilidade.

Um sistema fundamental para simplificar a complexidade é o novo sistema de gestão ProjX®. Além de permitir aos líderes de equipes que definam paràâmetros de testes para realizar muitos trabalhos e mídia, o sistema acelera o planejamento e a configuração de projetos permitindo aos técnicos adquirirem paràâmetros de testes consistentes durante todo o trabalho, ou ainda alternarem de trabalho para trabalho simplesmente clicando-se nos projetos armazenados no testador. O sistema também possibilita análise atualizada de projeto e supervisiona para ajudar a acelerar a certificação e a emissão de relatórios. Se forem encontrados problemas durante o processo de testes, os técnicos podem gerar uma lista de tarefas de resolução de problemas para “Consertar depois” para uma posterior avaliação por instaladores mais experientes.

O Versiv também apresenta uma interface de touch screen didática que eleva a capacidade dos instaladores menos experientes e aumenta a velocidade do teste e a conformidade de teste global da ISO Nível V. Desde assistentes que auxiliam e, portanto, aceleram a configuração da interface de usuário avançada Taptive® para navegação a novas melhorias de fluxo de trabalho, todos os novos recursos do Versiv combinam para torná-lo o testador mais rápido do mercado, para que os trabalhos sejam executados corretamente já na primeira vez.

O Fiber OneShot® PRO é um localizador de problemas de fibra monomodo que localiza curvas acentua¬das, emendas com alta perda, conectores quebrados e sujos na fibra monomodo, diagnosticando mais de 23 Km em menos de cinco segundos. Ele analisa olink de fibra em menos de cinco segundos, bastando para isso pressionar apenas um botão, dispensa treinamento e não há dados confusos para interpretar, é portátil e robusto para suportar o ambiente externo.

Já o OptiFiber integra potência/perda, medição de comprimento de fibra, análise de OTDRe captura de imagens de terminais de conectores de fibra. O resultado é um nível mais alto de certificação de fibra e diagnósticos. O software auxiliar LinkWare gerencia todos os dados testados e cria relatórios com qualidade profissional. O OptiFiber permite que proprietários de redes, com qualquer nível de experiência, certifiquem cabeamentos de fibra de acordo com as especificações e padrões da indústria, solucionem problemas e documentem minuciosamente os resultados. Isso irá aprimorar a integridade e o desempenho da rede de fibra do datacenter preparando-a para suportar aplicativos de largura de banda superiores.

Contando com laser, que rastreia rotas de fibra óptica, verifica continuidade, polaridade e ajuda instaladores e proprietários de redes de fibra óptica a encontrar rompimentos em cordões, conectores e emendas, o VisiFault - Localizador Visual de Falhas (VFL), desenvolvido e fabricado pela Fluke Networks - e distribuído pelo Grupo Policom - é compacto e emite um feixe de luz vermelha brilhante (facilmente visível à  distàância).

O equipamento facilita e agiliza a tarefa de verificar a continuidade de ponta a ponta da fibra óptica e a sua polaridade correta dentro de um conector multifibras como um MT-RJ. O VisiFault ilumina rompimentos na fibra, conectores danificados em patch cords, emendas defeituosas em caixas de emenda e fibras muito apertadas com amarras e em volta de racks de equipamentos. A unidade opera em dois modos: onda contínua para iluminação constante ou modo flash para identificação fácil de uma fibra entre muitas.

VisiFault incorpora uma capa de proteção (holster) para absorção de impactos para resistir a quedas e tratamentos em ambientes agressivos, assim como uma capa robusta que protege o adaptador de fibra, tornando-o ideal para aplicações em campo.

Fornecido com um adaptador universal de 2,5mm para conexão fácil em conectores do tipo SC, ST, FC e FJ e com adaptador universal opcional de 1,25mm, que permite conexões em adaptadores do tipo LC e MU Miniaturizados (SFF), o VisiFault é fornecido com bolsa de transporte, entrada para uma alça de pulso ou alça de transporte, pilhas AA que podem ser repostas e suportam mais de 80 horas de operação em modo contínuo de saída.

O AirCheck é um testador Wi-Fi dedicado e robusto, fácil de usar e de transportar, que foi desenvolvido especificamente para troubleshooting em campo esimplifica os testes em redes wireless. Fornecendo interface intuitiva que facilita o troubleshooting e dá respostas rápidas com apenas alguns cliques. Permite uma visão imediata dos resultados de testes requeridos, incluindo disponibilidade de rede, conectividade, utilização, configurações de segurança, busca de dispositivos não autorizados e detecção de interferências.

Examinar terminações instaladas de fibra óptica ou certificar-se de que as terminações estejam suaves e limpas é a função do FiberInspector Mini que, desse modo, evita a principal causa das falhas em links de fibra: terminações sujas, com poeira e outros contaminantes que reduzem a performance da transmissão de dados em alta velocidade por fibra óptica.

FiberInspector Mini é um microscópio de vídeo portátil que funciona dez vezes mais rápido que aparelhos tradicionais. Basta inserir a sonda e inspecionar os conectores de fibra instalados, através dos adaptadores com anteparos, sem precisar acessar a traseira dos painéis de conexão. Utilizar um microscópio de vídeo também assegura que a luz danosa do laser não alcance seus olhos. Portátil, o dispositivo indica imagens excepcionalmente nítidas em tela de 1,8”.

ImVision: evolução da solução iPatch para gerenciamento de cabeamento estruturado

51236 imvision CommScope_imVision_controller_imageA linha ImVision® (Infrastructure Management Vision), da CommScope®, constitui-se a quarta geração de hardware da solução iPatch de gerenciamento de infraestrutura de cabeamento. Acessibilidade, mobilidade e sustentabilidade são conceitos inerentes à  solução, que se combina perfeitamente à  solução iPatch, com seus painéis metálicos e ópticos (patch panels e bastidores ópticos).

Lançamento mundial da CommScope em 2012 e disponível no Grupo Policom® desde então, a linha ImVision conta com software e controladores desenhados para trabalhar com HTML5 ou seja ambiente web nativo. A acessibilidade também está representada pelo software, passível de ser acessado de qualquer local via Browser de internet, por meio de um tablet, por exemplo, e conta com muitos recursos gráficos. Os controladores, por sua vez, gerenciam os rack inteligentes e possuem interface gráfica colorida e touchscreen.

imvision kit demo policom - baixaA versão do software gerenciador, rebatizado de ImVision System Manager é a versão 7.0 do Software iPatch System Manager, que sofreu profundas mudanças, tanto na linguagem de programação, quanto no acesso agora via Browser (HTML5). Conta, também, com grandes capacidades incorporadas, como o gerenciamento de energia - Energy Wise para switches CISCO que, com o ImVision, permite aplicar as politicas de energia na tomada RJ-45 do usuário. Isso significa, como explica Henrique Shiroma, gerente técnico da CommScope, que “quando uma tomada RJ-45 for cabeada a uma porta de switch, as políticas de economia de energia serão automaticamente aplicadas à  porta do switch, sem a necessidade de uma programação do pessoal de redes”.

Essa tecnologia torna a solução sustentável e ecologicamente correta, permitindo economia de até 70% para dispositivos PoE (telefones IP, Acess Points, câmeras IP, etc.) gerenciados pelo ImVision.

Informações sobre a linha ImVision podem ser obtidas em vídeos e catálogos diversos, no endereço http://www.commscope.com/systimax/eng/product/cabling_solutions/patching/1173216_9477.html , assim como no canal da CommScope no YouTube, em http://www.youtube.com/user/commscope/videos?query=imvision.

O ImVision está em demonstração no Policom Solution Center. Agende uma visita.

   

Grupo Policom e Fluke Networks: promoções de final de ano

2Mantis-Tac_071-zoom Novembro tem início com promoções do Grupo Policom® em parceria com a Fluke Networks®. As ações envolvem trade-In, certificação CCTT, treinamentos teóricos, práticos e com demonstração, além de preços especiais para certificadores de redes, e serão válidas até 20 de dezembro de 2013, sem prorrogação.

Um dos focos principais das ações é a família de Testadores para Certificação de Cabos Versiv®, lançamento mundial da Fluke Networks realizado em junho, que foi desenvolvida para ajudar os instaladores de comunicação de dados a atingir a aceitação do sistema para trabalhos com cobre e fibra de maneira mais rápida, precisa e rentável.

As promoções envolvem também a linha DTX ELT que está com preço especial.

Informações sobre a campanha estão disponíveis na seção Fluke Networks no site do Grupo Policom: http://www.grupopolicom.com.br/exibe_fabricantes.php?iNFbr=FL&limit=20.

TRADE-IN para família Versiv

1Versiv_Family_3O trade-in é focado na troca de certificador Categoria 6 ou OTDR de qualquer marca ou ainda módulos DTX OTDR KIT em funcionamento por certificadores da família Versiv. Os certificadores usados garantem descontos significativos que variam de R$ 6.000,00 a R$ 8.000,00, de acordo com o modelo desejado.

Para participar da campanha, o interessado deve fazer a reserva do certificador junto ao Grupo Policom, preencher um formulário específico por equipamento e enviá-lo por e-mail para a Fluke Networks até 20 de dezembro de 2012. Vale destacar que a campanha permite a troca de certificadores de qualquer marca do mercado por certificadores da Fluke Networks e que é necessário a aprovação do fabricante antes de despachar o equipamento.

Treinamento e Versiv Tour Brasil

No dia 8 de novembro, à s 9:30h, será realizado webinar com o tema “A importàância de se exigir a certificação de rede”. Gratuito, o evento tem convite disponível na seção eventos do site do Grupo Policom.

A esse webinar, soma-se o 1º Versiv Tour realizado no Brasil, que compreende a realização de workshops para integradores com três horas de duração nas unidades do Grupo Policom, dedicados a demonstração prática dos certificadores das família Versiv, o integrador vai poder conhecer na prática todo o potencial destes produtos. A primeira fase será em São Paulo, no Policom Solution Center, nos dias 07 e 08 de novembro de 2013, em dois horários: à s 9h e à s 14h. Presencial e gratuito, permite a inscrição de duas pessoas por empresa e, ao final, de cada workshop será sorteado um punch down modelo 95646. A agenda prevê eventos semelhantes na Policom RJ (12 de novembro, pela manhã), Policom RS (26 de novembro, pela manhã) e Policom PR (5 de dezembro, à  tarde). As inscrições devem ser feitas pelo site do Grupo Policom, na seção eventos.

Promoção

Na compra de qualquer equipamento Versiv, Optifiber ou DTX ELT, a empresa ganha duas vagas gratuitas na certificação CCTT - Certified Cabling Test Technicial - agendada para 15 e 16 de janeiro, a ser realizada no Policom Solution Center em São Paulo (SP). E mais: na aquisição de um certificador DTX ELT valor de R$ 18.675,00, o cliente ganha um punchdown modelo 95646.

A certificação CCTT será ministrada pelo engenheiro Carlos Cruz, expert do Grupo Policom em tecnologia Fluke Networks, e enfoca normas e tecnologias que envolvem os sistemas de cabeamento de alta performance; aplicação dos certificadores de cabos num projeto, no mundo real, para testar, certificar e atingir alta performance nas instalações; diagnósticos e capacidade de análise dos certificadores em obras e projetos.

Sobre o Versiv

Versiv é uma plataforma com módulos intercambiáveis para cobre, fibra e teste de OTDR (Reflectômetro à“ptico no Domínio do Tempo), assim como inovações de software que aceleram o tempo do teste e sua precisão, além de simplificar a configuração, o planejamento e a emissão de relatórios de teste.

Desenvolvido para enfrentes desafios como a redução de erros e retrabalho, que, segundo estudo global realizado com profissionais de cabeamento, estão acrescentando mais de uma semana de trabalho para uma instalação comum de organizadores de cabos de 1.000 fibras ópticas, o Versiv vai além dos testes e da resolução de problemas, pois aborda todo o ciclo da certificação. Suas capacidades ajudam os prestadores de serviços a gerenciarem as complexidades do cenário de certificação atual e a reduzirem erros que podem ameaçar a rentabilidade.

Versiv é um sistema fundamental para simplificar a complexidade é o novo sistema de gestão ProjX®. Além de permitir aos líderes de equipes que definam paràâmetros de testes para realizar muitos trabalhos e mídia, o sistema acelera o planejamento e a configuração de projetos permitindo aos técnicos adquirirem paràâmetros de testes consistentes durante todo o trabalho, ou ainda alternarem de trabalho para trabalho simplesmente clicando-se nos projetos armazenados no testador. O sistema também possibilita análise atualizada de projeto e supervisiona para ajudar a acelerar a certificação e a emissão de relatórios. Se forem encontrados problemas durante o processo de testes, os técnicos podem gerar uma lista de tarefas de resolução de problemas para “Consertar depois” para uma posterior avaliação por instaladores mais experientes.

O Versiv também apresenta uma interface de touch screen didática que eleva a capacidade dos instaladores menos experientes e aumenta a velocidade do teste e a conformidade de teste global da ISO Nível V. Desde assistentes que auxiliam e, portanto, aceleram a configuração da interface de usuário avançada Taptive® para navegação a novas melhorias de fluxo de trabalho, todos os novos recursos do Versiv combinam para torná-lo o testador mais rápido do mercado, para que os trabalhos sejam executados corretamente já na primeira vez.

Colégio em Limeira utiliza solução de CFTV para vídeo-segurança

Colegio Limeira (6)Adequar a infraestrutura de prédio quase centenário a um sistema atual de monitoramento por CFTV foi o desafio enfrentado pela Preciso Automação, em Limeira, no interior de São Paulo, com resultados “mais do que satisfatórios”, segundo avaliação do cliente final, o Colégio São José de Limeira, vinculado à  Associação de Educação e Beneficência Santa Catarina de Sena.

Nessa instituição de ensino, com mais de 6 mil metros quadrados de área total, foram instaladas 90 câmeras IP Pelco de vários modelos, incluindo 9 Sarix fixas day/night e 36 Sarix mini dome, da Pelco, com materiais fornecidos pela Paris Cabos, empresa do Grupo Policom.

Colegio Limeira (22)Como explica Claudemir Silva, diretor comercial da Preciso Automação, o desafio teve início com a substituição do sistema anterior, que era analógico, baseado em microcâmeras. Segundo ele, a infraestrutura existente era “muito precária, pois os cabos passavam por todos os lugares, ocasionando sérios problemas de manutenção”.

A nova estrutura, que roda em rede de cabeamento estruturado está organizada e identificada, favorecendo alterações e ampliações a qualquer momento, mas foi necessário fazer toda a infraestrutura para a solução, desde a instalação dos eletrodutos para encaminhamento dos cabos desde as câmeras até os servidores, que estão montados em racks de forma padronizada. “Na instalação da infraestrutura, vencemos vários desafios, pois houve necessidade de perfurar vigas de concreto de até 80 cm e instalar tubulações a 18 m de altura”, informa o diretor da Preciso.

Colegio Limeira (39)O gerenciamento da rede é feito com swtiches 24 portas PoE e a gestão do sistema de CFTV está a cargo da solução Endura da Pelco, composta por workstation WS5070, gerenciador SM 5000 e gravador NSM 5200 com 9 terabytes de capacidade.

Implementada em três fases, durante o ano de 2011, a solução de vídeo-vigilàância tem como finalidade básica a segurança interna e nas dependências do colégio, assim como dos alunos nas salas de aula. No entanto, desde o início de operação da primeira fase, o sistema de CFTV IP trouxe benefícios além dos esperados, como o “melhor aproveitamento dos alunos e assimilação do conteúdo dado na sala de aula”, comemora Irmã Maria Cecília Siqueira, diretora da instituição, informando que há projetos de expansão com a mesma solução, porque atende de forma produtiva as necessidades da Associação.

Colegio Limeira (3)O Colégio São José de Limeira foi fundado em 1921, pela Irmã Maria de Santo Inocêncio Lima, de origem portuguesa, e que hoje conta com aproximadamente 130 funcionários. Com o lema “Educar é formar o espírito, o coração e a inteligência”, o colégio atende desde a educação infantil (4 meses a 3 anos) até o ensino médio, contribuindo para o desenvolvimento de todos, pois, mesmo sendo uma entidade confessional, recebe alunos de todas as crenças e religiões.

Soluções Pelco no Colégio São José de Limeira

Distribuidor Pelco desde 2009, o Grupo Policom, através da Paris Cabos, empresa do grupo, forneceu todos os materiais para esse sistema de CFTV, incluindo cabos, racks, switches, entre outros.

Baseado em equipamentos Pelco, o sistema de CFTV do colégio é gerenciado pelo Endura SM 5000, conta com Estação de Trabalho Endura WS5070, Software de Visualização Endura WS5200-5 e Gravador IP NSM Endura 5200 com 9 terabytes.

No total, o sistema possui 80 câmeras, sendo 30 Sarix de 0.5 megapixel day/night, que fazem o monitoramento dos pátios, quadras, corredores e perímetro externo, e 50 mini dome Sarix de 0.5 megapixel com lentes 2.8/10mm em salas de aula e laboratórios. Além disso, as câmeras Sarix instaladas nas áreas externas estão acondicionadas em caixas modelos EH3512 e EH1512, garantindo proteção contra intempéries.

Segurança de unidades educacionais é tema de webinar gratuito do Grupo Policom

O Grupo Policom® - referência no mercado nacional de distribuição de produtos para Cabeamento Estruturado direcionados a aplicações de dados, voz, vídeo e controles prediais, e para CFTV IP dos principais fabricantes de tecnologias IP reconhecidos internacionalmente - promove no dia 19 de novembro, à s 9h30, webinar gratuito voltado a segurança de unidades educacionais, mostrando que segurança dos alunos valoriza a instituição de ensino. Direcionado a profissionais que atuam no seguimento de segurança eletrônica e aos gestores de unidades educacionais de todos os portes, o webinar será ministrado por Charles Mazera, suporte técnico do Grupo Policom. “Investindo corretamente na segurança de unidades educacionais” é o nome do evento, que apresentará exemplos de aplicações realizadas com equipamentos e suporte do Grupo Policom.  Os temas que compõem o programa são:

”â Monitoramento de perímetro: o que deve ser considerado no projeto de segurança no entorno externo da unidade educacional;

”â CFTV dentro da sala de aula: paradigmas e benefícios;

Ӊ Como escolher adequadamente o seu integrador de CFTV;

Ӊ Como escolher corretamente os componentes do sistema de CFTV para a sua unidade educacional;

”â Câmeras de altíssima definição para monitoramento de grandes áreas abertas, como pátios, quadras e estacionamentos;

”â Linha de produtos ofertados pelo Grupo Policom: sistemas de gravação, gerenciamento, acessórios e infraestrutura completa para CFTV de alta definição;

Ӊ Alguns cases fornecidos pelo Grupo Policom.

O webinar é gratuito. Inscrições na seção “eventos” no site www.grupopolicom.com.br.